terça-feira, novembro 22, 2005

Excertos (41.114)

[114/2005]
Pela positiva

O que distingue a candidatura de Manuel Alegre das outras é a primazia dos valores sobre as questões do dia-a-dia.
Na sua declaração programática, Alegre diferenciou-se dos outros reafirmando a sua defesa ao evocar a ética e o patriotismo como impulsionadores do envolvimento cívico que garantirá em Belém a leitura correcta das garantias consignadas na Constituição.
Manuel Alegre é um homem convicto do que diz. Acredita no que escreveu e leu e garante o seu cumprimento.
(...)
(
continue a ler)
Luís Novaes Tito
Blog Tugir em português

2 Comments:

At 11:12 da manhã, Blogger Freeheart escreveu...

In ou out? De quê? Pendentes?

Isto começa a ficar confuso. Agora o economista reafirma que é independente. Se perguntarmos a qualquer laranjinha militante quem é que apoiam todos sabem a resposta. Isto está tudo marado. Um candidato apoiado por toda a direita e extrema-direita, que é economista, tal como o nacionalista de Santa Comba Dão em 1928, no século PASSADO. Quer, na sua linguagem de burma, convencer o povo que é candidato de Portugal, não é candidato de nenhum partido...

Outro disse que queria impedir o passeio na avenida do candidato da D.E.D. (direita e extrema direita). Mas é uma tentativa que exige coragem e independência. A primeira exigência cumpre e até admiro a sua coragem e a sua grande força de vontade. Mas por vezes a força é tanta que não há laxativos que cheguem e quanto a independência nem vale a pena falar.

Ambos são candidatos reféns e dependentes. O IN está OUT! Independente é quem tem coragem para enfrentar as decisões do próprio partido.
(Até fiz uma caricatura rápida sobre a manipulação (in)dependente dos 2 candidatos no mordazmordedura.blogspot.com)

 
At 6:40 da tarde, Anonymous cris escreveu...

Esta historia de palavra contra palavra é muito feia. Como é que se vai eleger um presidente que faz com que a palavra do PM seja colocada em causa?

porque é que um partido socialista tinha de passr por isto?

 

Enviar um comentário

<< Home